BLOG _ ROB

E parer de agradar os outros sem se sentir culpado

A grande maioria das pessoas que não dizem não é porque não querem que outros tenham um conceito ruim deles, o prazer de agradar pode afetar a integridade física, já que gera uma submissão. Dizer não, não é egoísmo e uma questão de princípio e integridade.

Quantas vezes você se vê em uma situação conflituosa quando alguém lhe pede algum tipo de ajuda, e você não é capaz de dizer não, e muitas vezes você sente uma raiva interna, por que você acha que eles estão se aproveitando de você, a maioria dos exploradores sabem como manipular, eles detectam as pessoas mais fracas e emocionalmente dependentes,  com um tom de voz  suave e um olhar triste, com gestos de tristeza, assim captando sua vítima tornando impossível expressar seu desacordo.

Devemos aprender a defender nossos direitos, ou sempre seremos tomados como tolos nesta vida, egoísmo versus princípio, você tem o direito de decidir se quer ajudar, você não pode ser forçado nem se sentir obrigado.

Você deve começar a ser tolerante consigo mesmo, o suficiente  para  não permitir que te manejem , se você é capaz de defender alguém, que este alguém é você mesmo, não permita que te destruam emocionalmente crendo que por dizer es uma pessoa ruim, há pessoas que procuram viver das custas de otros, querem tudo fácil, não se esforçam, e manipulam as outras pessoas  para conseguir o que querem,  Eu os chamo  de prostitutas emocionais, pessoas que estão dispostas a lucrar com uma falsa necessidade.

Quantas vezes você acha que deve evitar ferir os sentimentos dos outros, para aquele que viola seus próprios direitos, sendo que dizer não, é uma questão de princípio e decisão e você não está fazendo nada sério, quando acontece de você assumir uma obrigação que não é sua, você está perdendo sua individualidade e assumindo o papel de co-dependente.

Não confunda compaixão, com submissão, compaixão é acompanhada de integridade e assertividade para dizer que não é necessário dar muita explicação.

Diga não.

• Considere primeiro sua necessidade, isso não é egoísmo.
• Não seja impulsivo antes de dizer sim, apenas diga que você vai pensar se você pode ou não ajudar
• Seja gentil em dizer, não precisa atacar.
• Seja firme com sua decisão, não deixe que mudem de posição, priorize sua vontade não permita que eles manipulem você
• Seja honesto, eu não estou com vontade, eu não quero, não desculpas

@todos direitos reservados: Robson Marins, escritor, blogueiro, pensador, estudante de educação social, amante da literatura.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.